Qual é a diferença de preço e custo?

As cotações eletrônicas de produtos e serviços são uma das modalidades que estão sendo utilizadas para analisar a concorrência em diversos segmentos no mercado atualmente. As empresas estão buscando pelo menor preço de forma constante, e isso provoca uma segmentação nas famílias de produtos que são adquiridos em distribuidores diferentes.

Porém, a segmentação das famílias de produtos e diversificação de fornecedores pode acabar deixando o custo maior caso a compra fosse realizada de maneira centralizada. Há muitos casos nos quais esses pontos são pouco explorados e há riscos de o barato sair caro. Os desafios são muitos, tanto para os fornecedores, quanto para os compradores. O Diretor de Vendas e Compras no Gimba, Amauri Gennari, deixou algumas dicas dos cuidados a serem tomados para garantir uma redução efetiva nos custos:

  • Valide o abastecimento e qualificar os fornecedores:

Empresas comprometidas e que se importam com o seu processo é um grande diferencial. É preciso saber reconhecer os fornecedores que procuram não só ganhar uma negociação, mas sim estabelecer uma parceria de longo prazo.

No Gimba colhemos amostras para homologação e desenvolvimento das propostas comerciais para validar os produtos que serão contratados. Reitero que, é importante qualificar seus fornecedores e avaliar os produtos de maneira assertiva.

  • Estar atento às alternativas e oportunidades de inovação:

Muitas empresas ainda estão presas no processo tradicional de três cotações e concluem os seus pedidos com mais de um fornecedor com base no menor preço. Não abrem uma oportunidade de discussão sobre o negócio e nem consideram o custo do frete que estão embutidos no preço, além da logística, tempo e energia desta operação.

A peça chave para chegar no cenário de redução de gastos e obter o menor custo é o comprador. É ele que está no desenvolvimento de fornecedores, e assim pode fazer análises críticas da operação e trazer inovações para sua empresa.  Aqui no Gimba, nós já implementamos com sucesso processos de redução de custos com total transparência e qualidade em diversas empresas. Com uma análise precisa e aprofundada no processo e na qualidade dos produtos conseguimos gerar economia de até 20% ao ano de forma muito mais relevante do que uma redução de preço do produto ou do serviço.

Deixe uma resposta