A Curva ABC para suprimentos indiretos

CURVA-ABC

Indo direto ao ponto, a pergunta é: como funciona a Curva A B C na sua empresa? Com essa questão em mente é sempre bom reforçar que ter essa curva bem estrutura pode fazer toda a diferença na sua gestão. Essa ferramenta permite identificar os itens que possuem maior importância e valor dentro do estoque e classificá-los de acordo com essa relevância financeira.

A curva faz uma classificação dos seus produtos mostrando que uma parcela menor traz maior retorno para sua empresa, funciona assim: os que trazem maior retorno são classificados como produtos da curva A (onde 20% dos produtos representam até 80% da receita) os de médio valor e retorno ficam classificados na curva B (onde 30% dos produtos representam até 15% da receita), e a maior parte dos itens que trazem um retorno baixo ficam classificados na curva C (onde 50% dos produtos representam até 5% da receita).

Com essa análise é possível evitar gastos desnecessários com produtos que não serão vendidos em um primeiro momento, o que pode representar uma certa demora para recuperar o capital investido, trabalhando também o estoque que está ocioso. Administrar os suprimentos nesse formato ajuda a entender e aprimorar a sua demanda de consumo de suprimentos indiretos, otimizar o frete das suas entregas, trazer soluções logísticas, redução efetiva de custos, simplificação do processo de compras diário, e reposição do estoque.

O Gimba oferece essas soluções visando sempre a melhoria do seu negócio com foco total em melhorar os seus custos. Do papel ao cafezinho conte com o Gimba. Clique aqui e saiba mais!

 

Deixe uma resposta