Qual tipo de compra de suprimentos é ideal para sua empresa?

Grandes, médias e pequenas empresas têm muitos processos em comum, e pensar que o abastecimento de suprimentos é algo indispensável para todas, e fica a critério da área de compras de cada empresa entender qual é a necessidade e particularidade de cada uma. No mercado existem três modelos de compras e entender como sua empresa funciona e qual é o mais indicado para você é muito importante. Separamos algumas dicas para você descobrir qual é o tipo indicado para sua empresa.

Compras centralizadas

A concentração da compra de suprimentos de uma empresa fica somente com a matriz, com apenas um pedido, todas as áreas da empresa recebem os itens necessários, inclusive as filiais (caso a empresa tenha).  Dessa forma, é possível centralizar os pedidos de suprimentos apenas na matriz, que ficará responsável por todo o fluxo.

Há vantagens e desvantagens em escolher esse método. O ponto negativo é pensar no fluxo de entrega dos produtos para as filiais, já que um único pedido também significa um único frete. Um benefício de escolher o modelo centralizado é que é possível comprar itens em maiores quantidades e negociar o valor com o fornecedor, consequentemente conseguindo um melhor preço.

Compras descentralizadas

Ao contrário das compras centralizadas, ao escolher esse método para abastecer a empresa, tanto a matriz quanto suas filiais fazem os pedidos de suprimentos de forma individual, pulverizando os pedidos. Mas nenhuma filial ou área da empresa precisaria depender de outro setor para fazer a compra dos produtos essenciais para o dia a dia.

Os benefícios aqui é a independência de cada loja, já que cada uma tem sua demanda e pode seguir um fluxo de forma individual. O lado negativo é que o número de produtos é consideravelmente menor e não é possível fazer uma negociação de valores com o fornecedor como é no modelo centralizado.

Compras hibridas

A opção que mescla as duas anteriores pode agradar muitas empresas e filiais. A negociação do pedido fica sob a responsabilidade da matriz no modelo de compras hibridas. Assim é possível fazer um contrato em que fica sob os cuidados da matriz o relacionamento com o fornecedor, e posteriormente um crédito é disponibilizado às filiais para a realização do pedido dos produtos essenciais no dia a dia.

Assim é possível que cada loja ou filial mantenha sua independência e individualidade no funcionamento e abastecimento, porém não pulverize tanto os pedidos ao fornecedor, já que a ação continua centralizada na matriz da empresa.

Para os clientes do Gimba, oferecemos as opções que mais se adequam ao modo operacional da empresa. Oferecemos a solução para seu dia a dia, e que facilite o abastecimento de suprimentos da sua empresa e filiais. Você já conhece o Gimba? Acesse nosso site!

Deixe uma resposta