Como a pandemia mudou a cadeia de suprimentos

O ano de 2020 trazia muita expectativa e planejamentos para as pessoas e também para as empresas. A mudança que aconteceu a partir de março, tanto no Brasil como no mundo, teve grande impacto nas empresas. Elas precisaram repensar a forma de entregar seu serviço e muitas mudaram o regime de trabalho de presencial para o home office. Com os funcionários em casa, as companhias interromperam o abastecimento de suprimentos que era essencial no dia a dia corrido do escritório.

Desde então muita coisa mudou. No mundo, a rotina já está tentando restabelecer uma volta gradual ao modo que as empresas funcionavam antes, mas durante esse período, a demanda de suprimentos ficou por conta dos funcionários, já que o consumo de materiais essenciais no dia a dia das empresas se tornaram itens básicos também para o home office. Mas com o retorno das empresas, como ficou o abastecimento de suprimentos?

O SupplyChain já é um conceito bem definido dentro do negócio, mas isso foi alterado com a interrupção do trabalho presencial. Com a volta da rotina no escritório, muitas empresas precisaram se reabastecer de forma emergencial, para poder suprir as necessidades básicas e essenciais do dia a dia. Quem conta com o Gimba para cuidar da sua cadeia de suprimentos não precisou se preocupar com isso, já que cuidamos do abastecimento adequado de empresas parceiras, para que elas se preocupem com o seu core business, que faz o negócio alavancar.

Mas isso não tira o peso que um planejamento adequado tem na rotina e no objetivo que a empresa mais tem no momento. Com o retorno do corporativo, é preciso entender como funcionará a demanda e se mudou alguma necessidade, já que muitas companhias ofereceram o home office como opção. E com mais colaboradores em casa, qual economia isso trará à sua empresa? São estudos e planejamentos que precisam ser feitos na hora de decidir como ter um bom resultado na execução do plano de ação para sua empresa.

Com a transformação da realidade do universo corporativo, muitas etapas serão revistas também na cadeia de suprimentos. O incentivo ao home office, redução de pessoas trabalhando presencialmente, itens de proteção obrigatórios no dia a dia e a proteção dos funcionários da empresa são informações relevantes e que devem ser levadas em consideração. O Gimba está preparado para entregar o que as empresas precisam em relação aos seus suprimentos, e em todos os produtos que necessários para que funcionem adequadamente.

A pandemia trouxe uma nova forma de pensar no corporativo e a mudança acompanha as pessoas por onde elas vão. Nas empresas, na vida profissional, social, escolas e demais situações, foi preciso repensar a forma de lidar com as pessoas, o modo de trabalhar e lidar com o público. Conte com o Gimba para poder se reinventar nesse momento e alcançar novas maneiras para sua empresa crescer e passar por essa fase.

Deixe uma resposta